CARACTERÍSTICAS BÁSICAS DO ESPÍRITA: PACIÊNCIA, INDULGENCIA, FÉ, HUMILDADE, DIGNIDADE E CARIDADE.

terça-feira, 26 de agosto de 2014

16ª AULA - CURSO BÁSICO DE ESPIRITISMO 1º ANO - FEESP

PARTE A: PRELÚDIO DO RETORNO - UNIÃO DA ALMA AO CORPO

RETORNO À VIDA CORPORAL

PRELÚDIO DO RETORNO: A uma pergunta se os Espíritos sabem em que época reencarnarão, os benfeitores espirituais esclareceram que assim como um cego pressente quando se aproxima o fogo, os Espíritos desencarnados sabem que terão que retomar um corpo, do mesmo modo que um encarnado sabe que um dia vai morrer, ignorando, no entanto, quando isso se dará.

Portanto, a reencarnação é uma necessidade imperiosa para a evolução do Espírito, assim como a morte é uma necessidade da vida corporal. Não obstante, muitos Espíritos não compreendem tal necessidade, em razão do seu estado ainda inferior; neste caso, a incerteza em que se acham do futuro que os aguarda, constitui motivo de sofrimento.

Os Espíritos podem apressar o momento da reencarnação, se assim o desejarem. Do mesmo modo, podem dilatar esse tempo, recuando diante da prova que os aguarda, pois entre eles há os que são indecisos e indiferentes. Aqui cumpre esclarecer que aquele que deliberadamente prolonga seu tempo na erraticidade, será responsabilizado por isso, visto que procede como o doente que recusa o medicamento que poderá curá-lo.

Contudo, o Espírito não pode permanecer indefinidamente no estado de erraticidade; cedo ou tarde sentirá a necessidade de progredir, pois todos têm que se elevar, obedecendo aos desígnios de Deus. Ele pode escolher também o corpo, porque as imperfeições do corpo são provas que o ajudam no seu adiantamento, se ele vencer os obstáculos encontrados; mas a escolha nem sempre depende dele, que pode pedi-la (LE, per. 335).

A união do Espírito com um determinado corpo pode ser imposta, da mesma maneira que as diferentes provas, sobretudo quando o Espírito ainda não está apto a fazer uma escolha com conhecimento de causa. Como expiação, o Espírito pode ser constrangido a se unir ao corpo de uma criança que, por seu nascimento e pela posição que terá no mundo, poderá tornar-se para ele um meio de castigo (LE, perg. 337).

UNIÃO DA ALMA AO CORPO: Segundo a orientação dos Espíritos, a união da alma ao corpo começa na concepção, mas não se completa senão no instante do nascimento. Desde o momento da concepção, o Espírito designado para tomar determinado corpo a ele se liga por um laço fluídico que se vai encurtando cada vez mais, até o instante em que a criança vem à luz. (LE, perg. 344).

O Espírito pode, via de regra, escolher o corpo no qual irá reencarnar, para que as imperfeições que este apresentar possam servir de provas que o auxiliarão no seu progresso.

Mas os laços são frágeis, porque podem ser rompidos pela vontade do Espírito, que recua ante as perspectivas da prova pela qual tem que passar. O Espírito, uma vez unido ao corpo, e não podendo mais retroceder, pode lamentar a escolha feita, mas não pode mais desistir, pois, em muitos casos, ele desconhece as provas pelas quais tem que passar.

Isto tem sido a causa de muitos Espíritos, quando encarnados, acharem que as provas escolhidas foram superiores às suas forças e recorrerem ao suicídio. No intervalo da concepção ao nascimento, o Espírito desfruta ainda de algumas de suas faculdades, pois a contar do instante da concepção ele começa a entrar num estado de perturbação, que se intensificará até o nascimento. Neste estado, ele experimenta uma fase quase idêntica ao sono de um Espírito encarnado.

O aborto provocado é um crime, qualquer que seja a época da concepção, porque representa uma transgressão à lei de Deus. A mãe, ou qualquer pessoa, cometerá sempre um crime ao tirar a vida à criança antes do seu nascimento, porque isso é impedir a alma de passar pelas provas de que o corpo devia ser o instrumento (LE, perg. 358).

QUESTIONÁRIO:

A - PRELÚDIO DO RETORNO - UNIÃO DA ALMA AO CORPO

1 - Os Espíritos sabem em que momento se dará o retorno ao plano material?

2 - O Espírito pode escolher o gênero de prova pela qual terá que passar?

3 - Quando começa e quando se completa a união da alma com o corpo?


Fonte da imagem: Internet Google.

Nenhum comentário:

Postar um comentário